Sistema de dosagem

Dosagem constante

As bombas constantes (C) podem ser ajustadas manualmente por um teclado frontal ou apenas ao girar um botão. O número de batidas por minuto deve ser definido manualmente pelo operador e não deve variar automaticamente durante todo o processo de dosagem até a próxima entrada manual. A taxa de fluxo fixa e as bombas peristálticas de controle de velocidade se enquadram nessa categoria.

Dosagem proporcional para o sinal mA

As bombas com controle mA (mA) devem ser conectadas a um dispositivo de envio de sinal de 0/4-20 mA (por exemplo, instrumento de medição, PLC etc.) e o número de pulsos ou tempo de ativação (para peristáltico) é modulado ao longo da escala completa de 0/4-20 mA, de um mínimo (0 ou 4 mA) até o máximo (20 mA).

Dosagem proporcional para o pH

A bomba com controle de pH ajusta a dosagem automática e proporcionalmente para um ponto definido pelo usuário. As leituras são feitas por uma sonda de pH. O tempo da dosagem da bomba, ou o número de batidas, muda durante o processo completo de dosagem dependendo de quão longe está o valor de pH da solução em relação ao ponto definido.

Dosagem proporcional para ORP/Redox

A bomba com controle de Rx ajusta a dosagem automática e proporcionalmente para um ponto definido pelo usuário. As leituras são feitas por uma sonda de Rx. O tempo da dosagem da bomba, ou o número de batidas, muda durante o processo completo de dosagem dependendo de quão longe está o valor de Redox da solução em relação ao ponto definido.

Dosagem proporcional para o cloro

A bomba com controle de cloro ajusta a dosagem automática e proporcionalmente para um ponto definido pelo usuário. As leituras são feitas por uma célula de cloro. O tempo da dosagem da bomba, ou o número de batidas, muda durante o processo completo de dosagem dependendo de quão longe está o valor de cloro da solução em relação ao ponto definido